segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Finalmente, o México

Resolvida a questão das fotografias e do Mac e de toda esta minha novela tecnológica, eis que chegou a altura de mostrar o México! Como já aqui disse esta não foi propriamente uma viagem de turismo e houve muuuuuuito que ficou por ver mas a verdade é que tive direito a conhecer um outro lado do México (com locais, o que é sempre um privilégio!) e fiquei com imensa vontade de voltar para poder visitar a Cidade do México e a península Yucatan (em resumo: Chichen Itza e Tulum, mi aguardxi).
Vamos então às (poucas) fotografias desta viagem.
Em primeiro lugar queria mostrar a Cidade do México vista do ar... impressiona qualquer um!

Mas foi em Guadalajara que assentei arraiais. A primeira impressão que tive dos mexicanos foi a simpatia! É muito fácil pedir indicações (se se safarem no espanhol, pois claro) ou qualquer outra informação. O reverso da medalha é que para quem vem habituada da Europa e de andar a pé para todo o lado... not going to happen. Em Guadalajara anda-se de carro para todo o lado e o taxi (ou o Uber) é rei (e baratíssimo!). Os passeios não são a coisa mais convidativa, é certo, e é muito normal ver fios de electricidade caídos, buracos no chão ou simplesmente... ausência de passeios, daí que até perceba como o carro domina a cidade. Óbvio que isso significa que o trânsito de Guadalajara é um caos (li há pouco tempo que era das piores cidades do mundo, o que não me espanta que seja verdade) e para chegar a qualquer lado é preciso ir com muuuuito tempo (e paciência).
O centro histórico da cidade tem obviamente uma catedral (é impossível esquecer o peso da religião católica quando se passeia por aqui) e uma herança espanhola que se sente a cada esquina.


É possível visitar outras zonas de Guadalajara e o autocarro hop-on hop-off que existe em muitas outras cidades do mundo é uma óptima maneira de circular (e baratíssimo! já agora, acho que devia ter contado a quantidade de vezes que disse "mas isto é super barato" enquanto estive no México ahah). Foi assim que fomos até Tlaquepaque, a minha parte preferida da viagem e que fica para um próximo post.

6 comentários:

  1. Alegria, alegria! (a fotografia ao alto está com um ar mesmo profissional, ahah)

    ResponderEliminar
  2. Ah, e encontrei a Timeless, já está a gravar :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só vi o 1ro episódio, não sei como ver por estes lados snif...

      Eliminar
    2. Eu nunca vi nada pirateado, cofcof, mas se calhar é a melhor maneira. :)

      Eliminar
  3. A Cidade do México parece não ter fim! Gostei de ver as fotos, valeu a pena esperar pela resolução dos problemas técnicos ;)

    ResponderEliminar