quarta-feira, 11 de maio de 2016

E pronto, começou

Já não me lembrava de como é uma seca alugar casa em Inglaterra: um sem fim de papelada para background check e listagem de todos os sítios onde morei nos últimos 3 anos e respectivas provas (olhem se eu me dedicasse à reciclagem...). Claro que isto quer dizer que já passei a fase de CONSEGUIR uma casa o que, num sítio como Oxford, é um verdadeiro achievement! O mercado é super competitivo e não só é preciso alargar o conceito do que consideramos um "bom preço" como assim que aparece uma casa dentro dos parâmetros aceitáveis de localização e preço é preciso confirmar antes que a aluguem nos 5 minutos que demoramos a decidir. Um stress. 
Para ajudar à festa recebi hoje a papelada para... o background check do emprego! Quando me mudei pela primeira vez para a ilha bastou-me a lista de empregos anteriores e um contacto dos respectivos managers mas desta vez, e talvez porque vou trabalhar para a coroa britânica (tal e qual o 007, haha), é todo um processo que vai buscar as minhas moradas e empregos dos últimos 5 anos (pessoas, vocês têm a noção de que eu mudei de casa 7 vezes nos últimos 5 anos?), referências pessoais e profissionais e pelo menos uns 5 ou 6 documentos que vou ter de anexar. Fiquei cansada só de ler as 2 folhas de instruções... Apesar de tudo, isto é um mundo de diferença para a Alemanha: em Inglaterra não só as pessoas respondem a emails (eu sei, revolucionário) como o fazem em tempo útil e acrescentando palavras estranhas como "obrigado" e "por favor", coisas que não existem no atendimento ao cliente por estes lados (esperem lá... qual atendimento ao cliente? haha). E pronto, é tudo uma questão de perspectiva. Lembrem-me disto quando pensar em mudar-me outra vez, sim?

8 comentários:

  1. Nem me digas nada... tive nessas andanças em Março! Juras pra nunca mais xD LOL

    Hoje é o dia de quem está onde tantas vezes não está mais ninguém! Hoje é o nosso dia: Feliz Dia Internacional dos Enfermeiros

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá C, o problema é que eu esqueço-me depressa destas andanças, ahah.

      Feliz dia do enfermeiro para ti (eu não sou ;), espero que Inglaterra te permita ser muito feliz na tua profissão!

      Eliminar
  2. Só me questiono se tanta papelada garante, efectivamente, segurança.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também não sei, sinceramente. Faz-me lembrar o questionário para entrar nos Estados Unidos: "já integrou algum grupo de actividades terroristas?"...claro, porque os terroristas vão dizer "sim, sim, entre 2011 e 2012, mas agora reformei-me"...

      Eliminar
    2. ahhah Bem dito! ;-)
      E, já agora, acrescentando que é parte que mais se orgulha no currículo...:-))

      Eliminar
  3. Já tive que lidar com papelada semelhante (embora tenha sido em contexto Irlandês, quando entrei na Ryanair) e confirmo que é um pesadelo. Quanto à busca de casa, nada mais chato. Espero que em breve encontres um cantinho só teu!

    ResponderEliminar