domingo, 6 de setembro de 2015

In awe


Uma palavra: UAU. Assim mesmo, com maiúsculas. Que musical espectacular! As minhas expectativas eram elevadas e mesmo assim saí de lá em êxtase! Um cast onde todos e não apenas os "principais" são extraordinários e que contou com performances brutais, sobretudo a Stars, cantada pelo Jeremy Secomb (o meu preferido) e a Bring him home do Peter Lockyer. Adorei ainda a Do you hear the people sing e que não acredito que não arrepie quem a ouve (ou talvez seja só a veia revolucionária que me calhou na lotaria genética). Infelizmente não encontro muitas gravações do cast actual, mas fica aqui a melhor que encontrei no youtube, com o Peter Lockyer (que faz de Jean Valjean). Recomendo mesmo este espectáculo, e sobretudo este cast, que maravilha!


EDIT: Ok, deixo aqui também a Do you hear the people sing, numa versão de aniversário, porque é épica.


6 comentários:

  1. Que inveja! Deve ser fantástico! Já que não vejo o musical, tenho de lançar-me à leitura do livro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Depois de sair de lá também pensei logo que tenho de começar a ler o livro (que, coitado, como tantos outros, está numa pilha interminável de futuras leituras) ;)

      Eliminar
  2. Também gostei muito. E há momentos avassaladores. Ainda chorei algumas vezes, durante a peça, com as lágrimas a cair à séria...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viste aqui em Londres? Ou em NYC?
      Eu também chorei, mas omiti do meu post para me fazer de forte, shhh ;)

      Eliminar
  3. Vi em Londres, há 5 anos, pelo meu aniversário. Mas adoraria ver de novo. :-)
    E quero visitar a casa do Victor Hugo em Paris, também (já passei em frente diversas vezes, e ainda não entrei...).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Li algures que a versão da Broadway é ligeiramente diferente, mas também gostava de repetir, aqui ou nos Estados Unidos.
      Excelente dica, vou registar para uma próxima viagem a Paris!

      Eliminar