domingo, 20 de janeiro de 2013

Agnes dona de casa

É em dias como este, em que passo tempos infinitos a passar a ferro (sim, eu passo a ferro, a minha roupa não fica passada por magia como já toda a gente me disse que fazia, sou um bocado para o old-fashioned), que me pergunto a mim mesma, como raio tenho tanta roupa para passar quando parece que nunca tenho nada que vestir... Há aqui qualquer mistério que me ultrapassa.

Sem comentários:

Enviar um comentário