sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

A polémica do momento

Não se fala de outra coisa na internet a não ser dos malfadados vídeos da Samsung e, claro, da Pepa e da sua mala. Se é certo que os vídeos são mauzinhos (opá, o da Pepa dá uma certa vontade de desatar à estalada, que não se aguenta tanta conversa abetalhada) não me parece razoável todo o ataque que tenho visto por aí. Os vídeos da marca feitos por bloggers de moda são isso mesmo: vídeos da marca feitos por bloggers de moda. Não são a campanha presidencial, nem o concurso de Miss Universo para todos os entrevistados dizerem que querem muito a paz no mundo, e não me parece que tenham de ser uma coisa super intelectual onde se debate filosofia e se abordam os problemas sérios da sociedade, as coisas banais também têm lugar na vida, acho eu. (Eu também quero ir a muitos sítios em 2013, desculpem lá qualquer coisinha se esse é um dos meus objectivos do ano.) Com isto não defendo minimamente as escolhas dos meninos da Samsung, acho que até me encolhi na cadeira com algumas "tiradas" que ouvi por ali. No entanto, os argumentos que as pessoas usam para atacar a moça que quer a mala da Chanel deixam-me perplexa. Sobretudo (e o que me fez escrever este post) irrita-me bastante este sentimento que parece prevalecer em Portugal que, por estarmos em crise, não se pode falar de mais nada a não ser da dita cuja. Ninguém pode dizer que vai ao cinema, ou jantar fora, ou comprar um trapinho. Não. Temos todos que mostrar que somos mais coitadinhos do que o vizinho, qual telejornal da tvi, num rol de desgraças de fazer chorar as pedras da calçada. Eu sei que há crise, sei que há pessoas que passam mal e sei que não podemos nem devemos viver alheados da realidade, mas uma coisa é estar consciente da realidade outra coisa é não parar de puxar para baixo! Repito, os videos não estão geniais (e sim, no plural, que eu vi os outros), mas o pessoal preocupa-se muito com coisas que não merecem a energia. São vídeos. Não são representativos da sociedade (nem têm que ser), não são entrevistas a políticos, são apenas e só desejos de bloggers de moda, de quem se espera que falem de coisas materiais (afinal, o trabalho deles gira à volta disso). Podiam ter escolhido melhor? Sim, sem dúvida. A Pepa é betinha? Deixá-la ser. Mas tanto ódio faz-me impressão, e também não me parece que faça muito bem a saúde...

[edit: fiz este post no word e colei aqui, fica com um raio de um fundo nas letras que não consigo tirar, desculpem a nabice]

2 comentários:

  1. Também já vi. Ela é muito irritante, mas se tem um blog de moda é normal que queira uma carteira Chanel!
    Não fico chocada, mas acho que a Samsung não ganha nada a dar tempo de antena a pessoas assim.

    ResponderEliminar
  2. Carla, concordo, a Samsung não ganha nada e podia ter escolhido muito melhor, mas incomoda-me este achincalhamento colectivo da miúda porque disse aquilo. Já li no Facebook que o país está podre por causa de pessoas como ela! E coisas bem piores! Parece-me um exagero.

    ResponderEliminar