segunda-feira, 19 de março de 2012

Ah e tal saber alemão dá um jeitaço

Tretas! O meu holandês (ainda embrionário, coitadinho) tem um sotaque alemão que se topa a léguas, o que significa que não leio/digo as coisas como devia mas sim com um toque tão Deutsch que me irrita a mim própria. É que nem os números (que eu achava que sabia, só modéstia, ahahah) eu consigo dizer sem ter de parar 2 minutos para me concentrar. E fazer frases? Pois. Ainda está de chuva. Não vou além do "como te chamas?" e "o meu nome é...". Baby steps, portanto.

Nota após frustração: OK,o alemão ajuda a perceber algumas palavras, mas não é de todo tão helpful como me tinham dito. Sinto-me enganada, portanto.

4 comentários:

  1. Ahahahaha!! Deve ser como pensar que por falarmos português os brasileiros percebem tudo o que dizemos e depois é ouvi-los: Êi? Quê? :D

    Baby steps é uma boa filosofia:)e a gramática é idêntica, não?

    **

    ResponderEliminar
  2. Sinceramente, ainda não cheguei a "essa" parte, ahahahah. Agora a sério, ainda não percebi as semelhanças a esse nível, as minhas aulas (que ainda foram poucas) são mais de aprender vocabulário, estruturas básicas e frases "feitas", ainda não tenho propriamente regras gramaticais. Talvez daqui a algumas aulas já te consiga responder :P

    ResponderEliminar
  3. também me senti defraudada. é que não tem nada a ver! e além disso ter uma pronúncia alemã é o pior que nos pode acontecer (o início é péssimo porque andamos sempre a confundir tudo)

    ResponderEliminar
  4. eh eh com calma chegas lá, dever ser uma língua dificil!

    ResponderEliminar