segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

mais uma a juntar às coisas que não percebo

Desde a minha adolescência que me mantenho na ignorância acerca do que faz uma pessoa sair para beber até ao ponto em que não se lembra da noite que teve. "Ah, é coisa de miúdos" dizem vocês. Pois, mas não é. É um plano que ouço com muita frequência. O que é fixe é sair, beber muitos copos, ficar super zonzo, não conseguir andar a direito e "curtir". E os comentários na noite seguinte? "Txiii, tu já estavas lindo", "epá, foi tão fixe, não foi?", "temos que combinar outra noite destas". Desculpem, mas não percebo. Também por isso não gosto do Bairro Alto, onde o objectivo é apenas beber uns (muitos) copos e pronto. Eu sou (era) mais adepta de sair para dançar, mas não tenho tido companhia para isso, portanto acho que me desabituei de sair à noite. Longe vão os meus 16 anos e o tempo em que saía todas as semanas para dançar até às tantas. A idade é tramada! (piadinha)

Sem comentários:

Enviar um comentário