segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Toda esta conversa acerca dos manuais escolares, fez-me recuar no tempo e recordar aquele cheirinho a livros novos que invadia o meu quarto nesta altura do ano. Todos os anos, o mesmo ritual: ir buscar o meu montinho à papelaria do bairro e forrar os livros com papel autocolante transparente, com todo o cuidado do mundo. Gostava de folheá-los e ver o que ia aprender nesse ano, alinhando-os depois juntamente com o resto do material escolar, à espera pelo primeiro dia de aulas, a meio de Setembro. Ainda hoje não sei como se pode não gostar da escola. Eu adorava.

Sem comentários:

Enviar um comentário