quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Livrarias

Gosto de livrarias antigas. As estantes de madeira, o cheiro dos livros, o ranger do soalho. É um ambiente acolhedor, quase familiar. E como é bom deambular pela loja e não ter os expositores de metal com luzes berrantes e a confusão de grandes cadeias. É apenas e só uma espécie de biblioteca à nossa disposição. Onde o funcionário da loja trabalha lá há décadas e conhece cada canto, cada livro, cada história da casa ao longo dos anos. É tudo mais personalizado, mais íntimo, mais especial. Gosto.

(imagem retirada daqui)

Sem comentários:

Enviar um comentário