domingo, 12 de dezembro de 2010

Tivesse eu tempo e ia aprender imensas línguas novas, assim quase como quem colecciona cromos ou postais (cada um com as suas manias!). Tenho umas três em lista de espera, mas não será para breve... Isto de não se morar ao pé do trabalho tem muito que se lhe diga, e chegar a casa com o dia já no fim não me permite concretizar os muitos projectos que vou acumulando. Às vezes, confesso que me desmotiva. E penso se é mesmo isto que eu quero da vida. E tenho medo de descobrir que não...

Sem comentários:

Enviar um comentário